Sábado tem muito calor e definições nos grupos, em Realengo

04 de Maio de 2019



O dia de sábado foi marcado por jogos com largos placares e resultados decisivos. Torcidas organizadas, que vieram de longe para prestigiar sua favela, marcaram presença no Campo do Realengo, sendo um combustível a mais para as seleções que pisaram no gramado neste 4 de maio.

Adriana Peres* e Clarice Ribeiro*

Nova Campinas 3x1 Cidade Jardim Palmares - Masculino

Abrindo os jogos do maior campeonato de futebol entre favelas do mundo na manhã de sábado, as equipes de Nova Campinas e Cidade Jardim Palmares se enfrentaram. Logo no início do 1º tempo, Melquisedeque, do Nova Campinas, abre o placar com um gol de pênalti. No decorrer do jogo, o time da Baixada Fluminense aperta e tenta ampliar o placar, mas o Jardim de Palmares não dá liberdade e o jogo fica acirrado. O jogador Luis Gustavo, do Nova Campinas, com muita habilidade, pega a bola pela lateral, passa pela defesa do Jardim Palmares e marca um golaço. Mas Palmares corre atrás do prejuízo e marca de pênalti com Luiz André. O jogo seguiu marcado com muitas faltas e lances duvidosos, que indignavam a torcida de ambos os times. Com um 2º tempo menos agitado que o primeiro, o Nova Campinas faz seu último gol com Lourenço confirmando a sua vitória.

Corte Oito 1x1 Pereirão - Feminino

As duas equipes mostraram muita habilidade no inicio da partida. Depois de muitas disputas de bola, a atacante Nicole Cristina abriu o placar para a equipe do Pereirão. O Corte Oito levou perigo em vários chutes a gol, mas não conseguiu o empate até o fim do primeiro tempo. O segundo tempo seguiu bem disputado, as meninas do Corte Oito tiveram dificuldade de passar pela defesa do Pereirão, mas a atacante Fabiana dos Santos encontrou uma brecha e empatou o jogo. As equipes lutaram até o fim, mas não saíram do empate, que garantiu a passagem do Corte Oito para a próxima fase.

Nova Sepetiba 1x5 Tijuquinha - Masculino

Sob um sol forte o terceiro jogo do dia, na Zona Oeste do Rio, Nova Sepetiba e Tijuquinha fizeram uma partida que desde o início parecia que a superioridade seria do Tijuquinha, e foi! A favela do Alto da Boa Vista que fez seu primeiro gol no 1º tempo pelos pés de Giovani. No decorrer da partida, a torcida empolgava e empurrava mais ainda o time da Tijuquinha, que conseguiu fazer mais 4 gols e garantir uma vitória larga, com gols de Giovani(2), Andrey, Raizzegue e Douglas. O Nova Sepetiba no 2º tempo ainda tentou reagir, mas só conseguiu um único gol feito por Juan Melo.

Vilar Carioca 3x0 Grã Pará - Masculino

Os times entraram em campo com garra, a bola foi bem disputada e tiveram lances a gol pelos dois lados, mas nada que amedrontasse os goleiros. Depois de uma cobrança de falta, Renan de Carvalho, camisa 20, aproveitou o rebote e marcou o primeiro gol do Vilar, que precisava de ao menos dois...
O segundo tempo começou com o clima pesado, as equipes proporcionaram cenas com muitas faltas. Rolou expulsão na equipe do Grã Para e até atendimento médico para um jogador da equipe do Vilar. Mas, apesar do clima de tensão, o Vilar Carioca ampliou o placar com o camisa 10, Thales Freitas e Welton Tomas, de pênalti, marcou o gol da classificação do Vilar Carioca para a próxima fase do campeonato.

Padre Miguel 1x1 Nova Campinas - Feminino

As meninas do Nova Campinas e Padre Miguel fizeram o penúltimo jogo do sábado. No 1º tempo, as jogadoras do Nova Campinas forçaram muitas jogadas na área e logo marcaram seu primeiro gol, feito pela camisa 8 Marilene Paula. Depois do gol, o jogo ficou um pouco morno e com pouca ação. Os dois times retornaram na segunda etapa buscando mais jogo e com muita garra. Padre Miguel conseguiu empatar o jogo graças a jogadora Thayane D’arc que deixou sua marca de pênalti, mas não foi suficiente. Terminando assim em 1 a 1 o jogo entre Padre Miguel e Nova Campinas.

Complexo de Santa Margarida 2x1 Saibreira – Masculino

No último jogo do dia, o sol deu uma amenizada e os times evoluíram bem. O Complexo de Santa Margarida abriu o placar com gol de Pedro Jorge. O Saibreira empatou o jogo com Ruan Dantas. A partida seguiu intensa, com os times dando trabalho para as defesas. Mas o Santa Margarida levou a melhor e ampliou o placar aos pés do meia Ryan Matheus.

A Taça das Favelas Rio 2019 tem patrocínio do PicPay e da Friboi, apoio de Box Mineiro, Euro Sports, Vai Voando, Comunidade Door, Doctare, Globo, Sportv, Mycujoo e Placar Esportivo.

*Voluntárias sob supervisão da assessoria de comunicação da CUFA.





Taça das Favelas 2019 - Todos os direitos reservados.