Artilheira pela quinta vez, goleadora da Copa BH busca apoio para virar jogadora profissional

31 Jul 2017



Os 15 gols marcados pela centroavante Ingride foram insuficientes para levar a equipe amadora do Prointer à conquista da Copa BH de Futebol Feminino 2017. Em compensação, o faro apurado rendeu à jogadora de 21 anos a quinta artilharia na carreira.

O prêmio recebido oficialmente ontem na sede da FMF (Federação Mineira de Futebol) é mais um incentivo para a goleadora da Barragem Santa Lúcia. Praticante da modalidade desde a infância, a camisa 10 ainda alimenta o sonho de atuar profissionalmente e viver do esporte.





Taça das Favelas 2017 - Todos os direitos reservados.