Atuais campeãs passam de fase

05 MAR 2018



As quartas-de-final, disputadas no último sábado nos campos do Realengo e do Creib de Padre Miguel, foram muito disputadas, como não poderiam deixar de ser em jogos do mata-mata. As partidas tiveram disputas acirradas, pênaltis e goleadas. As atuais campeãs, Corte Oito e Vila Aliança, passaram de fase e permanecem com o sonho de repetir as conquistas de 2017 vivo. A Caixa D’Água de Padre Miguel segue firme como a única a estar disputando o título nas duas categorias. Confira o resumo de cada partida:

 

 

Campo do Realengo

 

Caixa D’Água 2 x 0 Vila Vintém - Feminino

 

Um começo de jogo muito bom, a Caixa D’Água partiu pra dentro do adversário e abriu o placar logo no início do jogo, com Thaynara. No segundo tempo o Caixa D’água se manteve superior e Thayanara voltou a marcar, garantindo seu time na semifinal.

 

Caixa D’Água 2 x 1 Grota de Niterói - Masculino

            O jogo começou bem movimentado, e a Grota com mais posse de bola dentro de campo. Porém, quem fez o primeiro gol foi o atacante Guilherme da Caixa D’Água de Padre Miguel, no fim do primeiro tempo. Logo no começo da segunda etapa, a favela de Niterói empatou com Matheus. No fim da partida, o árbitro marca pênalti para a favela da Zona Oeste, que o atacante Felipe Leandro converte e faz com que sua favela fique representadas nas duas categorias, nas semifinais.

           

Vila Aliança (4) 1 x 1 (3) Vila Kennedy - Masculino

            O jogo que gerava mais expectativa no dia não decepcionou, e o clássico entre as favelas vizinhas da Zona Oeste teve muita emoção. O duelo começou muito acirrado e o meia Jean Carlos abriu o placar para a Vila Aliança aos 10 minutos de jogo. O segundo tempo continuou com o jogo muito truncado, quando parecia que a atual campeã já estava nas semifinais, o atacante Fabrício da Silva fez o gol da campeã de 2014, deixando tudo igual e levando a decisão da vaga para os pênaltis.
A disputa de pênalti foi um sofrimento para os torcedores das duas favelas, que compareceram em peso no campo do Realengo. Até os goleiros cobraram as penalidades, e ambos erraram. Até que Rafael converteu para a Vila Aliança, deixando a atual campeã perto da vaga. Eduardo, da Vila Kennedy, foi para a cobrança, mas foi parado pelo goleiro Gustavo que espalmou para o travessão e fez a festa da Vila Aliança!

 

 

Complexo da Coréia 2 x 1 Sapo de Camará - Feminino

            No último embate do Campo do Realengo, Michele abriu o placar para a Coréia no começo do jogo. Depois o Sapo de Camará foi com tudo pra cima das adversárias, quando a volante Aline invadiu a área e foi derrubada. Pênalti que a atacante Luzirene bateu e não desperdiçou, igualando o duelo. Na segunda etapa, o Complexo da Coréia voltou melhor e a atacante Pâmela fez gol da vitória e da classificação .

 

 


Creib de Padre Miguel

 

por Gabriel Queiroz e Leandro Chagas


Corte Oito 3 x 0 Jardim Bom Retiro - Feminino

Superioridade total do time do Corte Oito. Destaque para dupla Rhaizza, autora o primeiro gol da partida, e Victoria Canuto, que marcou outros dois, sendo um de pênalti. As duas atormentaram a defesa adversária e mal deixavam a bola sair do campo do Jardim Bom Retiro, tamanha a pressão.


Jardim Guandu 1 (2) x (3) 1 Patativas de Campo Grande - Masculino

Primeiro tempo muito truncado, os únicos lances de perigo foram um chute de fora da área do Patativas e uma cabeçada também da equipe de Campo Grande, mas as bolas não entraram graças às belas defesas do goleiro do Jardim Guandu, José Vitor.
No início do segundo tempo o camisa 11, Eric, do Jardim Guandu, abriu o placar da partida com um bela cabeçada após o cruzamento de Yan. O jogo podia ser definido com vitória do Jardim Guandu após a falha do goleiro do Patativas, que provocou um tiro livre indireto contra a sua equipe, mas logo depois, se redimiu fazendo uma bela defesa. O jogo seguiu disputado e, no último minuto do segundo tempo, o time do Jardim Guandu fez pênalti e o camisa 21, Lucas, do Patativas, não perdoou levou a disputa para as penalidades. O jogo no tempo normal terminou empatado em 1 x 1.
Nos pênaltis, o destaque foi para o goleiro Patativas, Pedro Augusto, que defendeu duas cobranças e levou a equipe sensação da Taça das Favelas para a semifinal.


Nova Campinas 2 x 0 Parque São Vicente - Masculino

No primeiro tempo o jogo foi pouco movimentado devido a quantidades de faltas cometidas por ambas as equipes. Os goleiros trabalharam pouco. As melhores chances da partida foram faltas sem muito perigo. Já na segunda etapa, o jogo esquentou, e aos 23 minutos, após lance de perigo e uma bela defesa do goleiro Daniel, da equipe Parque São Vicente. Aos 28 minutos depois, o camisa 10, Rafael Lucas, conduziu a bola e tocou para Lourenço, que abriu o placar para a equipe do Nova Campina. Aos 33, a equipe do Nova Campina aumentou a vantagem e selou o placar da partida em 2 x 0. O gol foi marcado por Ryan.

 

Complexo do Acari 7 x 0 KM 40 de Seropédica - Feminino

Domínio total do Complexo do Acari durante todo o jogo, que terminou em um verdadeiro massacre! O time do Km 40/Seropédica mal chegou ao ataque durante a partida. A camisa 21 Natasha abriu o placar para o time de Acari na primeira etapa.  No segundo tempo, Thais aumentou o placar e fez o terceiro gol do Acari. Logo depois, Ester fez 4 a 0 no placar. O time continuou embalado, e assim Daniele marcou o quinto gol da partida. Logo depois, em uma infelicidade, a zagueira Edileide, do time de Seropédica, fez contra. Thais marcou o seu terceiro gol no fim do jogo e fechou o placar. 





Taça das Favelas 2018 - Todos os direitos reservados.