Primeira fase da Taça das Favelas 2018 entra na sua reta final

02 FEV 2018



A primeira fase da Taça das Favelas 2018 vai chegando na sua reta final, e os jogos vão ficando cada vez mais emocionantes, com as equipes batalhando pela sonhada vaga nas quartas de final.

Nos próximos dias 3 e 4 de fevereiro, a sétima edição do torneio organizado pela Central Única das Favelas (CUFA) e produzido pela InFavela segue para mais um final de semana de competições. Depois disso, haverá uma pausa para o Carnaval e só voltará a ter jogos no dia 24 de fevereiro.

Não haverá jogos pelo torneio feminino, porque a primeira fase já foi definida, e as favelas do Corte Oito, Caixa D’Água de Padre Miguel, Acari, Complexo da Coréia, Sapo de Camará, KM 40 de Seropédica, Vila Vintém e Jardim do Bom Retiro já estão garantidas nas quartas de final.

Já no masculino, as disputas seguem pegando fogo! No sábado em Realengo, duas campeãs entram em campo. O Padre Miguel, campeão de 2015 e 2016, enfrenta o KM 40 de Seropédica, para tentar se reabilitar da derrota sofrida na primeira rodada. E a Vila Kennedy, que ficou na primeira colocação em 2014, vai tentar a sua segunda vitória contra a Paraopeba.

“Todo dia eu trabalho a cabeça dos atletas, para que eles acreditem que a gente tem totais condições de ganhar o bicampeonato, e que isso vai ser muito importante para a nossa favela. Sempre respeitando o adversário, mas queremos o nosso”, disse Antônio Rezende, treinador do time da Vila Keneddy.

O jogo de maior destaque no campo do Creib de Padre Miguel, será entre Patativas de Campo Grande e Complexo de Marambaia, válido já pela terceira rodada. O Patativas tem sido a sensação desta edição do maior torneio entre favelas do mundo, vem de duas vitórias, sendo uma na estreia contra o bicampeão Padre Miguel, e agora tem tudo para garantir a vaga na próxima fase.

“Cada jogo é uma final. Tratamos a Taça das Favelas como nossa Copa do Mundo. Esse campeonato é de suma importância pra nossa garotada e se Deus permitir esse ano queremos alcançar o objetivo”, disse Denilson Santos, treinador do Patativas.

Entre eliminatórias e peneiras, foram mais de 90 mil jovens moradores de favelas em busca do sonho de se tornarem jogadores de futebol. Agora, nesta fase final, são mais de dois mil garotos espalhados por 64 times masculinos (com idade entre 14 e 17 anos) e 16 femininos (com idade livre), de todo o estado do Rio de Janeiro.

A Taça das Favelas tem patrocínio da Universidade Estácio de Sá e do Prospera Santander Microcrédito, apoio da Rede Globo, Sportv, Favela Vai Voando, Gol Linhas Aéreas, Vai Voando e Comunidade Door.

 

Confira as partidas deste final de semana:
(Todas pelo masculino)

 

Sábado – Campo do Realengo (Estrada São Pedro de Alcântara, 4520 - Realengo, Rio de Janeiro)
9h – Parque São Vicente x Fumacê
10h20 – KM 40 de Seropédica x Padre Miguel
11h40 – Vila Croácia x BNH Magé
13h – Vila Norma/Cosmorama x Favela do Sarapuí
14h20 – Vila Kennedy x Paraopeba
15h40 – Complexo do Mangueirão x Morro do Dezoito
17h – Complexo da Coreia x Nova Holanda

 

Sábado (3 de fevereiro) – Creib e Padre Miguel (Rua H, Padre Miguel – Rio de Janeiro)
9h – Acari x Pedreira de Vassouras
10h20 – Barro Branco x Cohab de Realengo
11h40 – Vila Vintém x Vila Jurema
13 – Vila Aliança x Complexo do Muquiço (início da 3ª rodada)
14h20 – Complexo de Marambaia x Pataivas CG
15h40 – Chaperó x Complexo do Taquaral
17h – Sapo de Camará x Vila Catiri

 

 

Domingo (4 de fevereiro) – Campo do Realengo
9h – Rancho Novo x Complexo da Pedreira
10h20 – Asa Branca x Jardim Bangu
11h40 – Fomento x Vila Urussay
13h – Vila Brasil x Gardênia Azul
14h20 – Arará x Complexo do Paraíso
15h40 – Favela das Almas x Vila Esperança





Taça das Favelas 2018 - Todos os direitos reservados.