Taça das Favelas continua em ritmo acirrado na 2° rodada de 2018

13 Jan 2018



A manhã de sábado nublada no campo do Realengo não foi suficiente para esconder o brilho do maior torneio de futebol entre favelas do mundo. Os jogos levaram o público presente ao delírio, assim como a vizinhança que assistia de suas janelas. Um dia com disputas clássicas muito esperadas pela torcida. 

 

Vila Vintém (Vermelho) 0 x 0 (Preto) Sapo Camará – FEM 

Primeiro jogo do dia, as duas favelas que nunca tivera seus times femininos fora da Taça, começou equilibrado e assim foi até metade do primeiro tempo. O sapo teve mais chances, mas Mayara, da Vintém, fez boas defesas. No segundo tempo as chances de gol para o Sapo diminuíram. O placar ficou no 0 x 0. 

 

Nova Holanda (Azul) 3 x 1 (Verde) Rocinha - Masculino 

A disputa entre a Nova Holanda, que nunca ficou de fora do torneio, e a Rocinha, campeã da Taça das Favelas 2012, foi empolgante. A Rocinha teve mais posse de bola, mas a Nova Holanda que conseguiu chegar com perigo, com se camisa 10, João Victor, marcou o primeiro gol, seguido de Alfredo Filipe. A Rocinha revidou e Cleisson Nascimento marcou um gol. No tempo seguinte a Rocinha tentou, ameaçou várias vezes, mas desperdiçou oportunidades. David Mesquita da Nova Holanda marcou mais um gol para Nova Holanda. O jogo encerrou com o placar 3 a 1 para Nova Holanda.

 

 

Pedreira de Vassouras (Amarelo e Preto) 0 x 2 ( Vermelho) Vila Kennedy - Masculino 

A partida começou com um primeiro tempo equilibrado, que terminou em 0 a 0. Na segunda etapa, a Vila Kennedy, campeã da Taça em 2014, se impôs e marcou 2 gols, o primeiro por Wesley Isaque e o segundo gol pelo Meia Leandro Silva.

 

Vila Vintém (Vermelho) 0 x 0 (Cinza e Laranja) Vila Norma/Cosmorama - Masculino 

João Victor, da Vila Vintém, teve a bola do jogo nos pés, mas bateu mal e Mauricio Nogueira defende o pênalti nos acréscimos do primeiro tempo. 

 

Complexo Marambaia (Preto) 0 x 0 (Verde)Morro do Escadão - Masculino

Ambos os times jogaram bola na trave e a boa atuação dos goleiros das duas equipes garantiu o zero no placar.

 

Jardim Bangu(Vermelho e Vinho) 3 x 0 (Vinho) CRB e Dick - Masculino 

A disputa entre o atual vice-campeão da Taça das Favelas, e o CRB Dick que não disputava pela Série A há 2 anos, prometia uma disputa com muita garra. O lateral do Jardim Bangu Alyson Luiz marcou de pênalti, seguido do atacante Luiz Paulo Heringer que aproveitou a falha da defesa e fez aos 23 segundos do segundo tempo. O meia Vinicius Rocha marcou um gol deixando o placar em 3 a 0 para o Jardim Bangu. 

 

Complexo da Coréia (laranja e preto) 3 x 0 Carobinha (Azul e Amarelo) - Feminino 

 

A atual vice campeã do feminino estreou com vitória na edição de 2018. O complexo da Coreia se impôs em campo e bateu o bom time da carobinha pelo placar de 3x0. Gols de Pâmela, Larissa e Greicy Kelly.Gols de Pâmela e Larissa no primeiro tempo. E Gracy Kelly completou o placar no segundo tempo. As duas goleiras Dayane pela Coreia e Jaqueline pela Carobinha fizeram boas defesas no jogo.





Taça das Favelas 2018 - Todos os direitos reservados.